Biotina + Colina 625,5mg - 60 Cápsulas (Vital Natus)

BRL 37.9000
Código: 2663

Mais Imagens

Biotina + Colina 625,5mg - 60 Cápsulas (Vital Natus)
Código: 2663

O que ela pode fazer por você?


Biotina: Aliviar dores musculares.


Aliviar o eczema e a dermatite.


Colina: Ajudar a controlar a produção de colesterol.


Ajudar a condução do impulsos nervosos, especificamente aqueles que são usados no cérebro pra a formação de memória.


Ajudar a eliminar venenos e medicamentos do organismo, auxiliando o fígado.


Produzir efeito calmante.


Quais são os problemas causados pela deficiência?


Sintomas de deficiência de Biotina incluem afinamento dos cabelos (geralmente com perda da cor do cabelo), e erupção cutânea escamosa vermelha ao redor dos olhos, nariz, boca. Há evidências de que o cigarro pode causar deficiência de biotina. A deficiência de Colina possivelmente pode resultar em cirrose e degeneração adiposa do fígado e endurecimento das artérias.


Curiosidades sobre a Biotina: A síntese da vitamina C (ácido ascórbico) requer biotina. É essencial para o metabolismo normal de gorduras e proteínas. O ovo cru impede sua absorção pelo organismo. Ela trabalha em conjunto com as vitaminas B2, B6, a Niacina e a vitamina A na manutenção de uma pele saudável. Curiosidades sobre a Colina: Aparentemente a Colina ajuda a emulsionar o colesterol, para que ele não se deposite nas paredes das artérias ou na vesícula.

Preço Normal: R$39,90

Special Price R$37,90

Disponível: Em estoque

Descrição

Detalhes

Biotina é uma vitamina B e é hidrossolúvel (solúvel em água), também é conhecida como vitamina B7, coenzima R ou vitamina H. A Biotina é um componente importante das enzimas no organismo que quebram certas substâncias como gorduras, carboidratos e outros nutrientes. A Colina também é um membro da família das vitaminas B ela pode agir como um emulsionante de gordura. A Colina funciona junto com o inositol (outro membro do complexo B) na utilização das gorduras e colesterol. A Colina é uma das poucas substâncias capazes de penetrar na chamada barreira sangüínea que normalmente protege o cérebro contra as variações na dieta diária, entrando diretamente nas células cerebrais para produzir uma substância química que favorece a memória.

Comentários